PMDB consegue tirar do ar programa que denuncia mulher de Sergio Cabral

Mário Assis:

“O PMDB conseguiu liminar na Justiça que proíbe a veiculação do programa do PSOL na televisão, no qual o deputado estadual Marcelo Freixo cobra explicações sobre o fato de a primeira-dama Adriana Ancelmo ser advogada do Metrô do Rio em processos movidos pelo Estado. Segundo o jornal Extra online, Freixo pede que o governador Sérgio Cabral explique o caso ao eleitorado. O PSOL já recorreu da decisão. Enquanto a Justiça nãos e manifesta, a propaganda do PSOL pode ser assistida no Youtube”.

Comentário de Helio Fernandes:
É impressionante a predominância da mulher de cabralzinho, sobre ele e seu governo. Já foram acusados de terem vários processos em que o governo é parte, cuidados pelo escritório da mulher do governador.

Em duas oportunidades públicas, cabralzinho citou a mulher com o maior orgulho e satisfação: 1 – “Minha mulher é a melhor advogada do Brasil” Todos riram, ele nem notou. 2 – “Se Dona Dilma conversar ou apoiar Garotinho, nem minha mulher vota nela”. Quase que imediatamente Lula mandou Dona Dilma vir ao Rio e conversar publicamente com o ex-governador. O que aparentemente, cabralzinho será a partir de janeiro de 2011.




This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *